Cabra-loura

Cabra-loura (Lucanus cervus)

  • Onde me podes ver: Parque Botânico do Castelo | Parque Biológico
  • Observável em: Estado selvagem
  • Maior probabilidade de observação: Junho
  • Habitat:

    Bosques de carvalho.

  • Alimentação:

    Na fase de larva, alimenta-se durante alguns anos de madeira morta, em avançado estado de decomposição, esteja ela em raízes, partes do tronco ou em ramos. A pobreza em nutrientes destes materiais justifica o lento desenvolvimento larvar.

    Os insetos adultos parecem apreciar a seiva que sai dos carvalhos com o calor e o aumento di seu metabolismo, asism como de frutos.

  • Reprodução:

    Ocorre na fase adulta do inseto. Por altura de abril/maio emergem e voam em busca de parceios sexuais. As fêmeas fertilizadas põem ovos uma só vez na sua vida no solo ou em fendas. Por altura de julho deixam de se ver.

    A vida adulta da cabra-loura é breve, pois como acontece com muitos outros coleópteros serve apenas uma finalidade reprodutiva, após a qual morrem.

  • Estado de Conservação: Em Perigo
  • Curiosidades:

    Tem numerosos nomes comuns - vaca-loura, carocha, etc.
    Está sob proteção do Decreto-lei n.º 140/99, de 24 de abril, Anexo B-II, transposição da Diretiva Habitats, e do Decreto-lei n.º 316/89, de 22 de setembro, transposição da Convenção de Berna.

    Numa parceria com o projeto VACALOURA.PT o Parque Biológico de Gaia acolheu uma atividade de construção de um abrigo para a espécie em maio de 2017 que pode observar no percurso de descoberta da natureza na proximidade do cercado dos javalis.

 

Câmara Municipal de Gaia

Rua Álvares Cabral 4400-017 Vila Nova de Gaia

Contactos

Parque Biológico de Gaia

R. Cunha, 4430-812 Avintes, Vila Nova de Gaia, Portugal



Parque Botânico do Castelo

Estr. Penedo 353, Crestuma, Vila Nova de Gaia, Portugal

© 2018 Municipio de Gaia. Todos os Direitos Reservados. Desenvolvido por Municipio de Gaia

 

Câmara Municipal de Gaia

Rua Álvares Cabral 4400-017 Vila Nova de Gaia