Orlas naturais dos bosques

Orlas naturais dos bosques

Na orla dos bosques aparecem formações espinhosas, arbustivas e herbáceas que pelas suas características ocupam geralmente uma pequena faixa a orlar os bosques.
No parque as comunidades de arbustos espinhosos e silvas aparecem aqui e ali em solos mais ou menos pobres e secos na orla do carvalhal ou nas suas clareiras.
Constituem a primeira etapa de substituição, ou manto espinhoso, dos diversos tipos de bosques que orlam (ou substituem), pelo que a maior parte das espécies que aqui vivem ocorrem normalmente dentro do carvalhal.
As espécies mais vulgares são aqui o pilriteiro (Crataegus monogyna), a madressilva (Lonicera periclymenum), o sanguinho-de-água (Frangula alnus), o catapereiro (Pyrus cordata), a silva (Rubus sp.), entre outros.
Estas orlas ou sebes naturais desempenham também um papel importante na alimentação de muitos seres vivos e como habitat de nidificação de diversas espécies de aves. Sobre os solos ricos e profundos com húmus e os solos agrícolas abandonados são os giestais de grande porte que constituem as orlas naturais de diversos bosques.
Quando os campos agrícolas ficam abandonados são colonizados: os giestais regressam.
No território do parque são comuns o codesso (Adenocarpus complicatus subsp. lainzii), a giesta-das-vassouras (Cytisus multrms), giesta-negral (Cytisus scoparius subsp. scoparius), tojo-arnal (Ulex europaeus), urze-branca (Erica arborea), feto (Pteridium aquilinum), etc. e podem, se se permitir, formar giestais ou urzais/tojais.
Nas zonas não alteradas e com pouco azoto, em sítios mais ou menos soleados, é a vegetação herbácea vivaz que domina.
No território são comuns a escorodónia (Teucrium scorodonia), esporas-bravas (Linaria triornithophora), erva-pombinha (Aquilegia vulgaris dichroa), Omphalodes nitida, erva-de-são-joão (Hypericum perforatum), etc. Como acontece com as orlas espinhosas, a generalidade das plantas típicas destes habitats possui uma presença regular nos carvalhais que naturalmente orlam (ou substituem).

  • Animais do Habitat:
    Abelha
    Borboleta-limão
    Carriça
    Pisco-de-peito-ruivo
    Tordo-comum
  • Plantas do Habitat:
    Catapereiro
    Pilriteiro
    Sanguinho-de-água
    Urze-branca
    Aquilegia

 

Câmara Municipal de Gaia

Rua Álvares Cabral 4400-017 Vila Nova de Gaia

Contactos

Parque Biológico de Gaia

R. Cunha, 4430-812 Avintes, Vila Nova de Gaia, Portugal



Parque Botânico do Castelo

Estr. Penedo 353, Crestuma, Vila Nova de Gaia, Portugal

© 2018 Municipio de Gaia. Todos os Direitos Reservados. Desenvolvido por Municipio de Gaia

 

Câmara Municipal de Gaia

Rua Álvares Cabral 4400-017 Vila Nova de Gaia